DICAS DE VIAGEM

Como muitos sonham em pegar aquela estrada no domingo de manhã simplesmente pelo gostoso sentimento de liberdade , aqui vão algumas dicas e sinais para transformar a viagem do seu grupo mais segura.
       Os mais experientes com certeza saberão a maioria das dicas citadas aqui, mas para os novatos algumas podem ser importantes. Adquiri algumas com as viagens, outras pesquisando na internet. Se você é um amante da estrada creio que seja interessante essa leitura.

Antes de viajar

       Para viagens em grupo o ideal é que se conheçam os pilotos que irão participar do passeio, mas de forma alguma isso é uma desculpa para não fazer novas amizades. Conhecendo as pessoas com quem você viaja você terá uma noção da experiência, do tipo de tocada de cada um, além de tornar a comunicação mais fácil.
       Marcado o local de encontro, deve-se chegar com a moto de preferência abastecida, com os pneus devidamente calibrados, corrente esticada e lubrificada, evitando assim o atraso do passeio. Lembrando que é muito importante (leia-se obrigatório) fazer uma revisão geral na moto antes de sair de casa, para evitar sustos e até mesmo acidentes.
       Antes de partir o grupo deve combinar o trajeto que será percorrido, a velocidade de viagem, os locais de parada para esticar as pernas e abastecer as motos e também escolher um líder e um “ferrolho”.

Líder:
       Será aquele que irá manter-se a frente do grupo. Para escolha do líder os fatores decisivos devem ser o bom conhecimento da estrada e ter experiência em viagens de moto.
       As funções do líder devem ser: manter a velocidade de viagem do grupo constante (que deve ser combinada por todos antes da saída) e sinalizar para quaisquer adversidades que existirem à frente.

Ferrolho:
       Ficará com a última posição no grupo. Deve ser um motociclista experiente e que tenha uma moto com desempenho superior à média do grupo.
       O ferrolho deve manter o grupo unido, evitando que ele se separe muito dos outros membros. No caso de haver necessidade de comunicação com o líder sobre emergências ou alguma outra ocorrência deve se dirigir ao mesmo para alertá-lo. Também precisa instruir o grupo no meio da viagem sobre o correto posicionamento de cada um.

Formação do grupo

       O ideal é que cada motociclista fique alternado em relação ao que segue em frente. Em outras palavras, se ele segue pelo lado esquerdo da faixa, você deve seguir pelo lado direito, quem vem atrás pelo lado esquerdo e assim sucessivamente.
       Desta forma temos uma melhor visão da estrada a frente e possibilita maior facilidade de evitar um acidente no caso de uma emergência. É importante também manter uma distância segura da moto da frente.
       A chamada “fila indiana” deve ser evitada sempre que possível. Tomando como exemplo uma viagem que realizei no último final de semana para a cidade de Água Comprida – MG, em um grande trecho da estrada era necessário andar em uma única fila pois as condições do asfalto eram ruins. Nestes casos, a distância da moto da frente e a atenção devem ser redobradas.
       Ao realizar uma frenagem, de um ou dois toques rápidos no freio antes de realizar a frenagem propriamente dita, para que o companheiro que segue atrás possa ficar ciente da sua intenção de reduzir a velocidade.

Ultrapassagens

       As ultrapassagens deverão ser iniciadas pelo líder do grupo, em um momento em que o mesmo veja que é possível que todos ultrapassem juntos e em segurança. Para isso o líder deve sinalizar a intenção de ultrapassagem e mover-se para a pista da esquerda. O ferrolho deve acompanhar o movimento do líder. Após todos terem feito a ultrapassagem, devem voltar para suas posições originais.
       Como nem sempre haverá condições para que todos do grupo ultrapassem em conjunto, a mesma deve ser feita aos poucos, devendo o líder então esperar que o grupo esteja novamente unido para iniciar outra ultrapassagem.
       Não devem ser realizadas ultrapassagens na mesma faixa de direção que o grupo se encontra.
       O líder não deverá ser ultrapassado por outro integrante do grupo. Porém como muitos sentem uma vontade de dar uma esticada, o mesmo deve sinalizar sua intenção para o líder e logo em seguida retornar para sua posição. Pelo fato do líder ser responsável por manter a velocidade do grupo, o mesmo não poderá dar “esticadas”.
       No caso de um veículo de maior velocidade tentar realizar uma ultrapassagem no grupo, o ideal é que o grupo não se separe, mas ao primeiro sinal que o veículo pode voltar para a faixa em que seguem, deve-se abrir espaço sinalizando sempre que possível e reduzindo a velocidade de forma suave para que o mesmo se insira em meio ao grupo. Assim que o veículo terminar a ultrapassagem de todo o grupo a formação inicial e união do grupo necessita ser retomada.


Outras dicas

       Caso você sinta necessidade de parar em um local fora do combinado, seja porque seu combustível está acabando ou observou algo estranho em sua moto, comunique ao líder ou ao ferrolho do grupo para que o líder escolha um local seguro para todos pararem.
       Lembrando sempre que ao viajar em grupo, um momento de descuido não coloca apenas a sua segurança em risco, mas sim de todos os seus companheiros de viagem. Esteja sempre alerta para qualquer acontecimento a frente, não deixe para frear no último instante, sinalize para o grupo qualquer movimento que pretende fazer, e por último, mas nem por isso menos importante, olhe a todo momento no retrovisor!
       Caso estejam viajando a noite, apenas ligue o farol alto se estiver liderando o grupo. A luz alta no retrovisor de outros motociclistas atrapalha a concentração na estrada e pode causar acidentes. Não preciso dizer que o mesmo deve ser desligado caso esteja vindo algum veículo na via contrária ou ao se aproximar de outro veículo.

Dicas de Segurança

Esta seção está vazia.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!